PRONTUÁRIO ELETRÔNICO DO PACIENTE:Percepção de Aceitação e Facilidade de Uso dos Usuários de um Hospital Brasileiro

Severino Dias Carneiro

Resumo


Este projeto proposto para atender às exigências do MPSIGC tem como tema central PEP. Diante do cenário de demanda por qualidade e ampla utilização de SI no ambiente hospitalar busca-se elucidar a seguinte questão: Quais as variáveis externas que influenciam na utilidade e de facilidade de uso percebidas pelos usuários de um sistema de prontuário eletrônico de hospital da região sudeste brasileiro? Tem-se como objetivo geral proposto: O objetivo principal do projeto de dissertação é descrever as variáveis externas que influenciam na utilidade e de facilidade de uso percebidas pelos usuários de um sistema de prontuário eletrônico de hospital da região sudeste brasileiro. Especificamente, pretende-se: Identificar as variáveis externas; Descrever a percepção de utilidade; Descrever a percepção de facilidade de uso e; Analisar a aceitação da tecnologia implantada. Para atender a este objetivo buscou-se realizar estudo de caso em hospital do sudeste brasileiro utilizando o survey do modelo TAM (DAVIS, 1986) compreendendo a percepção de diversos atores envolvidos com o PEP, conforme demanda e autorização da instituição envolvida.


Texto completo:

PDF

Referências


BEZERRA, Francisco Antônio; CORRAR, Luiz j. Utilização da Análise Fatorial na Identificação dos Principais Indicadores para a Avaliação do Desempenho Financeiro: uma aplicação nas empresas de Seguro. Revista de Contabilidade e Finanças, São Paulo, Ano XVII, v. 1, n° 42, p. 50-62, set/dez. 2006.

DAVIS JR. Fred D. A Technology Acceptance Model for Empirically Testing New End-User Informartion System: Theory and Results – MIT, 1986.

FOUCAULT, M. 1981.O nascimento do hospital, pp. 99-111. In: Microfísica do poder. Graal, Rio de Janeiro, 1981.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GORDILHO, Raphael. Gordilho. O melhor Prontuário Eletrônico (PEP) é gratuito. Disponível em: http://www.empreendersaude.com.br/o-melhor-prontuario-eletronico-ehr-e-gratuito/. A acessado em 02/2015

GURGEL JÚNIOR, Garibaldi Dantas Gurgel Júnior e VIEIRA, 1 Marcelo Milano Falcão Vieira. Qualidade total e administração hospitalar: explorando disjunções conceituais. , Ciência & Saúde Coletiva, 7(2):325-334, 2002.

GUTIERREZ, M.A.. Sistemas de Informação Hospitalares: progressos e avanços. Journal. Health Inform. 2011; 3(2): I-II.

MINGOTI, S. A. Análise de Dados Através de Métodos de Estatística Multivariada: uma abordagem aplicada. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005.

PORTAL DO MÉDICO. Disponível em: www.portalmedico.org.br/Regional/crmsc/manual/parte3b.htm, A acessado em 28/01/2015

Josimar Souza Costa, Juocerlee Tavares Guadalupe Pereira Lima,

Laura Arrais Sydrião de Alencar Costa, Silvia Maria Dias Pedro Rebouças, Érico Veras Marques

Modelo Preditivo de Adoção do Prontuário Eletrônico do Paciente em Consultórios Médicos Utilizando Regressão Logística

LUIZ CARLOS L. PRESTES JR.; MARY RANGEL

Prontuário Médico e suas Implicações Médico-Legais na Rotina do Colo-Proctologista

MASSAD, E., MARIN, H.F., AZEVEDO, R. S. O Prontuário do Paciente na Assistência, Informação e Conhecimento Médico. São Paulo. USP, 2003.

Valéria Farinazzo Martins Salvador; Flávio Guilherme Vaz de Almeida Filho

Aspectos Éticos e de Segurança do Prontuário Eletrônico do Paciente, 2005

COSTA, C. G. A. da Desenvolvimento e Avaliação Tecnológica de um Sistema de Prontuário Eletrônico do Paciente, Baseado nos Paradigmas da World Wide Web e da Engenharia de Software. Dissertação de Mestrado. Universidade Estadual de Campinas, 2001.

SANTIAGO, F., CARDOSO, J.C., ARAÚJO, M.R. Prontuário Eletrônico Odontológico. Disponível em: http://www.bioetica.ufrgs.br/privapoi.html. Acesso em: 2015.

COSTA, C. G. A. da Prontuário Eletrônico do Paciente: Legislação, Auditoria e Conectividade, - 8º Congresso Latino Americano de Serviços de Saúde, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Projetos, Dissertações e Teses em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento
ISSN 2358-5501 (Online)