USO DO GREENHOUSE GAS PROTOCOL PARA MENSURAR EMISSÕES DE GASES DO EFEITO ESTUFA E DESENVOLVER PROJETOS DE MITIGAÇÃO

Mônica Cavalcanti Sá de Abreu, Aline Mota Albuquerque, Ana Rita Pinheiro de Freitas

Resumo


O artigo apresenta o uso do Greenhouse Gas Protocol para mensuração e mitigação de emissões de gases causadores do efeito estufa (GEEs). Este framework guia as empresas desde o início da elaboração do inventário de emissões, passando pela definição e execução de projetos de redução de emissões, e culmina na divulgação dos resultados desses projetos. Foi realizada uma pesquisa-ação em uma empresa de distribuição de energia elétrica. O estudo mostra as etapas necessárias para realização do inventário de emissões e como ocorreu o processo de elaboração de projetos para a redução de emissões de GEEs. O trabalho discute os desafios para a implantação de projetos para mitigar os efeitos da mudança climática e a necessidade de um considerável aporte de recursos financeiros, tecnológicos e humanos para sua implantação. A regulação do setor elétrico apresenta-se incipiente na questão da mudança climática e não se configura como uma força motriz capaz de ampliar o fraco comprometimento da empresa com a implementação e avaliação dos projetos de mitigação dos GEEs.

 


Palavras-chave


Mudanças Climáticas, Estratégia, Gases do Efeito Estufa, Setor Elétrico, Inventário de Emissões, Protocolo de Kyoto, Greenhouse Gas Protocol (GHG), Projetos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21714/pretexto.v16i2.1190

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Pretexto
ISSN 1984-6983 (Online)
ISSN 1517-672x (Impressa)
Classificação Qualis CAPES - B2 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo