O SUJEITO PSICOLÓGICO EM ADORNO

Paula Campolina Oliveira

Resumo


Esse artigo aborda o pensamento e reflexões de Adorno, sobre os conflitos sociais gerados pelas forças sócio-culturais, que agem em favor do ajustamento do indivíduo ao todo, destruindo assim sua consciência individual. Ao afastá-lo de sua individualidade, remete-o à totalidade ideológica, ao conformismo, rebaixando-o ao nível de coisa/objeto. Adorno então nos remete ao sentido ético-normativo da Psicologia, a fim de propor uma psicologia crítica capaz de desfazer essa totalidade, buscando a individualização e conseqüentemente à resistência à alienação.

Palavras-chave


Indústria cultural; fetichismo da mercadoria; sujeitoobjeto; anti-semitismo; tipologia psicológica

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Paidéia

Revisão: Profª Silvia Fiuza
Projeto Gráfico e Capa: D'Lourenço Studio Gráfico
Diagramação: Tecnologia da Informação - Universidade FUMEC
Normalização: Biblioteca Universitária - Universidade FUMEC

ISSN 1676-9627 (Impressa)
ISSN 2316-9605 (On-line)
Universidade FUMEC
Faculdade de Ciências Humanas, Sociais e da Saúde.