O uso da literatura infantojuvenil no atendimento psicopedagógico a crianças com dificuldade de leitura: algumas reflexões

Chrisley Soares Félix

Resumo


O presente artigo tem por objetivo refletir sobre as possibilidades de atuação psicopedagógica a partir do uso de livros literários. Para tal, realizou-se um levantamento de cunho bibliográfico que atrela temáticas relacionadas ao conceito e possibilidades de uso da literatura no processo de construção da aprendizagem, bem como aspectos relacionados ao atendimento psicopedagógico a crianças com dificuldades de aprendizagem relacionadas à leitura. Nesse sentido, a literatura associa-se à possibilidade de aproximação à leitura em função da possibilidade de o sujeito se identificar emocional e afetivamente ao contexto, enredo ou mesmo personagens das histórias, além de aproximá-lo ao universo da leitura e da escrita. Espera-se, com esse estudo, contribuir para a ampliação de pesquisas e práticas psicopedagógicas que atrelem literatura infantojuvenil ao processo de atendimento às dificuldades de aprendizagem.


Palavras-chave


Literatura Infantojuvenil; Dificuldades de aprendizagem em leitura; Atendimento psicopedagógico.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Paidéia

Revisão: Profª Silvia Fiuza
Projeto Gráfico e Capa: D'Lourenço Studio Gráfico
Diagramação: Tecnologia da Informação - Universidade FUMEC
Normalização: Biblioteca Universitária - Universidade FUMEC

ISSN 1676-9627 (Impressa)
ISSN 2316-9605 (On-line)
Universidade FUMEC
Faculdade de Ciências Humanas, Sociais e da Saúde.