ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DOS DERIVATIVOS PARA REDUÇÃO DOS CUSTOS DE TRANSAÇÃO

Uinie Caminha, Armando Hélio Almeida Monteiro de Moraes

Resumo


O objetivo com este trabalho é analisar a estrutura e a utilização dos derivativos, tendo em vista a maior eficiência e a utilidade social dos negócios jurídicos. As organizações, na condição de agentes econômicos, buscam otimizar práticas para a maximização de riquezas, alocação eficiente de recursos e redução dos custos de transação. Os derivativos têm sido considerados de alto risco e mal compreendidos em sua estruturação. O conhecimento jurídico e econômico sobre eles pode trazer benefícios para o tráfico negocial, especialmente com relação à proteção contra oscilações de preço de mercadorias e volatilidade de índices e moedas. Os derivativos são instrumentos eficientes e necessários a alguns segmentos empresariais para alcançar melhor posicionamento nos negócios, gerar maior segurança e, portanto, proporcionando maior utilidade social no Estado Democrático de Direito.

Palavras-chave


Derivativos. Análise econômica do direito. Redução dos custos de transação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.46560/meritum.v5i1.897

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Meritum, Revista de Direito da Universidade FUMEC
ISSN 1980-2072 (Impressa)
ISSN 2238-6939 (Online)
Universidade FUMEC
Faculdade de Ciências Humanas, Sociais e da Saúde (FCH).