DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E TECNOLOGIA: ANÁLISE À LUZ DA TEORIA DA COMPLEXIDADE

Cintya Maria Nishimura Durães, Elaine Cristina Sotelo Fachini, Maria de Fátima Ribeiro

Resumo


O consumo de bens industrializados segue crescendo desde que a produção em larga escala tornou-se possível pela invenção de máquinas e equipamentos. Com isso, o acúmulo de resíduos sólidos no planeta Terra passou a existir e produzir consequências para o meio ambiente. O presente estudo analisa, à luz da teoria da complexidade de Edgar Morin, como o desenvolvimento sustentável e a tecnologia podem alterar a forma de consumo da sociedade atual. A existência de um meio ambiente equilibrado é imprescindível para a vida humana. As águas limpas, o ar livre de poluição, as diversas formas de vida animal e vegetal saudáveis formam um conjunto de condições que possibilita a continuidade da existência do ser humano no planeta terra. Todavia, a intensificação do consumo, destacadamente de plásticos descartáveis, ocasiona grave degradação ambiental. Assim, questiona-se: como conciliar o desenvolvimento sustentável, a tecnologia e a forma como o consumo ocorre nos dias atuais, visando a preservação do meio ambiente natural contra as agressões provocadas pelos resíduos sólidos plásticos? O questionamento é complexo, por isso as possíveis soluções são complexas. Justifica-se o estudo do tema pela necessidade de mudanças urgentes na forma de produção e consumo da sociedade humana, produtora de impactos sobre a natureza, com consequências no presente e no futuro. Objetiva-se verificar como o desenvolvimento sustentável e a tecnologia podem contribuir para a redução desse material no meio ambiente natural. Buscar-se-á diagnosticar quais instrumentos adotados pelo poder público incentivam a sustentabilidade em meio à sociedade brasileira. Adota-se o método hipotético-dedutivo, partindo-se da hipótese de que o equilíbrio entre os elementos é possível. Averiguou-se a necessidade de serem criadas políticas públicas que fomentem o desenvolvimento sustentável aliado ao uso da tecnologia, bem como o incentivo à redução do consumo, reutilização e reciclagem de materiais plásticos.

Palavras-chave


Desenvolvimento Sustentável; Tecnologia; Teoria da Complexidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Meritum, Revista de Direito da Universidade FUMEC
ISSN 1980-2072 (Impressa)
ISSN 2238-6939 (Online)
Universidade FUMEC
Faculdade de Ciências Humanas, Sociais e da Saúde (FCH).