v. 17, n. 21 (2015)

Mídia e Tradição

Os meios de comunicação provocaram significativas mudanças na sociedade. Eles ampliaram o alcance das mensagens, criaram, sustentaram e modificaram modos de relacionamento social. Autores como Giddens, Thompson, Featherstone, dentre outros, refletiram sobre o impacto desses meios na configuração dos padrões interativos, especialmente com relação à tradição em suas diferentes expressões: cultural, religiosa, tecnológica, política etc. Durante muito tempo acreditou-se que o desenvolvimento das sociedades modernas havia provocado o fim da tradição como referência para a ação social; porém, a problematização das relações entre mídia e cultura trouxe novas questões para a pesquisa. Assim, apontou-se para o caráter dinâmico e mutável da tradição e para o relevante papel dos meios de comunicação nesse processo.  Se a tradição ainda permanece como uma referência para a ação de indivíduos e grupos, sua manutenção está ligada em grande parte ao uso dos meios de comunicação, que desenraizam, reelaboram, atualizam, presentificam, revificam e reorganizam padrões cujas principais referências são o passado e os costumes. 

Edição completa

Ver ou baixar a edição completa ARQUIVO INTEGRAL

Sumário

Artigos

Nilton Santos, Claudia Góes
PDF
Juliano Rodrigues Pimentel
PDF
Claudia Regina Lapouble
PDF
Marcio Serelle
PDF
Gabriela da Silva Zago, Camila de Almeida Polino
PDF
Filipe Guimarães dos Santos, Leticia Maria Pinto da Costa, Marluce Auxiliadora Borges Glaus Leão
PDF
Adriana Alves Rodrigues, Samara Fernandes
PDF
Liana Gross Furini
Lauren Steffen, Flavi Ferreira Lisbôa Filho
PDF