ANÁLISE DE MODELOS DE VALOR DE CLIENTE POR TODA A VIDA E INFLUÊNCIAS NA RENTABILIDADE ORGANIZACIONAL

Luiz Antônio Antunes Teixeira, Carlos Alberto Gonçalves, José Roberto Domingues, Jersone Tasso Moreira Silva

Resumo


Esse trabalho objetiva descrever práticas de gestão de um portfolio de clientes, relacionando-as com os pressupostos do modelo valor do cliente (customer equity) orientado para retenção e rentabilidade. A partir do conceito fundamental sobre valor de clientes, o trabalho apresenta análise da viabilidade da aplicação de alguns modelos. O conceito foi operacionalizado tendo, como base, a classificação dos clientes por lucratividade e mensuração do valor do cliente de acordo com os modelos propostos por Rust, Blattberg e Gupta (2005), identificando ações relacionadas às políticas de retenção, manutenção e aquisição de clientes na empresa analisada. Observou-se que a baixa retenção dos clientes nos grupos, era devida, em parte, a esta grande mobilidade dos clientes entre os grupos de margem de contribuição bruta. O estudo foi realizado em um portfólio de clientes de uma empresa industrial multinacional de grande porte, do setor industrial, na perspectiva de estudo de caso quantitativo. Pelos elementos apresentados foi possível definir recomendações que minimizem a volatilidade de clientes, bem como identificar aqueles com maior potencial em termos de margem de contribuição e definir estratégias que facilite a maximização do valor do cliente.

Palavras-chave


valor do cliente; rentabilidade; lealdade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21714/1984-6975FACES2007V6N1ART86

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Administração FACES Journal
ISSN 1984-6975 (online)
Classificação Qualis-CAPES - B2