COMPORTAMENTO ESTRATÉGICO À LUZ DA GESTÃO AMBIENTAL

Edgar Sperb Bicca Silveira, Maurício Fernandes Pereira, Alexandre Marino Costa, Gilberto de Oliveira Moritz, Marcos Dalmau

Resumo


O impacto ambiental gerado pelos serviços vem sendo tema recorrente do planejamento estratégico de muitas empresas. Este trabalho objetiva estudar a ecoeficiência corporativa no seu campo estratégico por meio do gerenciamento de insumos e resíduos recicláveis. A pesquisa foi feita com base no estudo de caso sobre a Política Ambiental da Caixa Econômica Federal, utilizando o método descritivo com uma análise qualitativa, onde foram analisados documentos internos, efetuada entrevista e consulta teórica. Conclui-se que a Caixa preocupa-se com a questão da sustentabilidade, reconhece que a responsabilidade da empresa dentro da sociedade vai além do foco social e econômico. Percebeu-se que, apesar de estrategicamente o plano de gestão ter sido bem elaborado, as ações de disseminação ainda não são totalmente efetivas. Conforme a teoria pesquisada, o sucesso da implementação de um projeto dentro de qualquer empresa depende do conhecimento e do treinamento dos seus colaboradores e do comprometimento de suas lideranças.

Palavras-chave


Política Ambiental, Sustentabilidade, Planejamento Estratégico, Meio Ambiente, Caixa Econômica Federal.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21714/1984-6975FACES2010V9N3ART201

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Administração FACES Journal
ISSN 1984-6975 (online)
Classificação Qualis-CAPES - B2