AVIDA NA EMPRESA: WALTON COMO MODELO PARA REELABORACÃO DA CULTURA ORGANIZACIONAL

Ester Rieger

Resumo


Uma empresa, ao escrever sua história, revela sua cultura organizacional, na qual o fator humano é que sofre o maior impacto. Visto que nos tempos atuais é mais forte o reconhecimento de que não é possível construir história sem a força do capital humano, é hora de rever e refazer as verdades que norteiam a empresa sua cultura. Humanizar o trabalho é integrar o ideal de Walton - jornada adequada, compensação justa, uso de habilidades, autonomia, crescimento, integração, constitucionalismo. De uma pesquisa numa cooperativa em Navirai, no Estado de Mato Grosso do Sul, a Cooperativa Agricola Sulmatogrossense Ltda. - Copasul, abstrairam-se elementos fortemente ligados aos fatores de Walton, sugerindo que sua aplicação poderá ser uma proposta adequada à reconstrução da cultura da organização no que diz respeito ao capital humano e à busca de qualidade para sua vida na empresa.

Palavras-chave


Cultura organizacional; Clima e tradição; Mudança organizacional; Enriquecimento e humanização do trabalho; Fatores de Walton; Ambiente qualidade total

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21714/1984-6975FACES2002V1N2ART13

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Administração FACES Journal
ISSN 1984-6975 (online)
Classificação Qualis-CAPES - B2