LEALDADE DE ESTUDANTES: UM MODELO DE REGRESSÃO LOGÍSTICA

Silvana Anita Walter, Liliane Gomes, José Roberto Frega, Gérson Tontini, Wesley Vieira da Silva

Resumo


RESUMO: Este estudo objetiva analisar dimensões de impacto na lealdade dos alunos de cursos de graduação em administração, bem como mostrar a aplicação da regressão logística binária para essa avaliação. Para coleta dos dados, aplicou-se a 880 alunos o questionário estruturado de Walter (2006), que consiste em uma adaptação dos instrumentos de quatro diferentes estudos à realidade da instituição de ensino superior (IES) pesquisada. Empregou-se a regressão logística binária para a análise de 16 dimensões de impacto na lealdade e a elaboração de um modelo de lealdade. Os resultados demonstraram que percepção da aprendizagem, confiança na IES e qualidade de ensino influenciam positivamente o modelo de lealdade. O estudo concluiu que o curso deveria ampliar a percepção que os alunos têm da qualidade e da aprendizagem (atuação dos professores, conteúdos e métodos de ensino), e aumentar a confiança dos mesmos nas IES (atendimento do pessoal acadêmico).

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21714/1984-6975FACES2010V9N4ART194

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Administração FACES Journal
ISSN 1984-6975 (online)
Classificação Qualis-CAPES - B2