A DIALÉTICA DO PRAZER E SOFRIMENTO DE ACADÊMICOS: UM ESTUDO COM MESTRANDOS EM ADMINISTRAÇÃO

Ana Carolina Kruta de Araújo Bispo, Diogo Henrique Helal

Resumo


Este estudo objetiva a apropriação de conceitos da Psicodinâmica Dejouriana para entender o processo de prazer e sofrimento de mestrandos em Administração de uma Instituição Federal de Ensino Superior (IFES) localizada em João Pessoa na Paraíba. Como instrumento de coleta de dados utilizou-se a entrevista. Após análise foi possível emitir conclusões nesses termos: apesar da coexistência de prazer e sofrimento na atividade desenvolvida, percebeu-se que a exigência de qualidade e quantidade das atividades conflitam com o tempo que possuem para desenvolvê-las, fazendo com que se sintam pressionados e até castigados, o que pode terminar por afetar o funcionamento psíquico.


Palavras-chave


Prazer; sofrimento; discentes; psicodinâmica; dialética

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21714/1984-6975FACES2013V12N4ART1939

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista de Administração FACES Journal
ISSN 1984-6975 (online)
Classificação Qualis-CAPES - B2