PATOLOGIAS EM ESTRUTURA DE CONCRETO - ESTUDO DE CASO: BLOCO I DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS

Gabriel Luan Paixão Mota, Mariana Emilene de Arruda Azevedo, Juliana Maria Gonçalves Lucio Batista, Fabio Henrique Bastos de Carvalho, Vitor Afonso Chaves Salustiano

Resumo


As patologias do concreto são recorrentes em algumas obras devido ao mau planejamento, execução ou manutenção desta. Ao analisar o Bloco I da UFT, pôde-se encontrar infiltração, fissura e bolor. Em decorrência desse fato, foi realizado um estudo de caso com finalidade de encontrar as causas e possíveis soluções para os problemas. No caso de infiltração é possível adicionar uma nova solda, e uma cinta envolvendo toda a área onde houve infiltração, já quando se trata de fissura é necessário diagnosticar a causa que levou à patologia e para cada uma delas há um tratamento diferente. Para bolor, a medida de recuperação mais eficaz é a raspagem do local, no entanto é possível evitar a patologia com manutenções periódicas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES

diadorim sumarios

CONSTRUINDO

ISSN 2318-6127 (online)
ISSN 2175-7143 (impressa)
Faculdade de Engenharia e Arquitetura da Universidade FUMEC
Escola de Engenharia da UFMG
Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto